Tesouro Selic (LFT) → Como investir, aplicar, simulador, rentabilidade

Tesouro Direto Descomplicado

Nesse artigo falarei um pouco exclusivamente sobre o Tesouro Selic (LFT) que é um dos principais títulos públicos que as pessoas gostam de investir no Tesouro Direto.

Isso se dá devido à sua alta rentabilidade e ao fato de estar vinculado ao índice da taxa Selic.

Investir no Tesouro Direto é bem simples e através do simulador é possível ver com antecedência a previsão de ganhos em um determinado período de tempo.

O IPCA é outro excelente índice que possui títulos públicos com rentabilidade vinculada ao mesmo.

Aqui falarei um pouco sobre qual dos dois é melhor para aplicar.

Vamos ao artigo:

>>> Aprenda a garantir seu futuro com os Títulos Públicos em vídeo aulas <<<Tesouro Selic Investir Tesouro Direto

Tesouro Selic (LFT): O que é e como funciona?

É um título público pós-fixado cuja rentabilidade está vinculada à taxa Selic.

Sendo assim, o rendimento desse tipo de Tesouro Direto varia de acordo com essa taxa, sendo que, quanto maior a Selic, maior também será o rendimento do Tesouro Selic.

Indicado caso acredita-se que a taxa Selic possui tendência de elevação, uma vez que a rentabilidade básica desse investimento é vinculada à mesma.

O valor de mercado desse tipo de título público apresenta baixa volatilidade, evitando perdas em caso de venda antecipada.

É indicado principalmente para pessoas com o perfil conservador e que não sabem quando exatamente resgatarão as aplicações.

Ele não faz pagamentos de juros semestrais, apenas paga no final do investimento o montante total(somando-se o valor investido mais os rendimentos do período em que permaneceu com o Tesouro Selic).

Caso necessite vender o seu título, o Tesouro Nacional o compra pelo valor de mercado do mesmo no momento da venda.

O que é a taxa Selic?

“Define-se Taxa Selic como a taxa média ajustada dos financiamentos diários apurados no Sistema Especial de Liquidação e de Custódia (Selic) para títulos federais. Para fins de cálculo da taxa, são considerados os financiamentos diários relativos às operações registradas e liquidadas no próprio Selic e em sistemas operados por câmaras ou prestadores de serviços de compensação e de liquidação (art. 1° da Circular n° 2.900, de 24 de junho de 1999, com a alteração introduzida pelo art. 1° da Circular n° 3.119, de 18 de abril de 2002).” Site do Banco Central do Brasil.

Ou seja, pelo texto acima retirado do site do próprio Governo, a taxa Selic é uma taxa especial usada para o cálculo de juros sobre títulos públicos e operações financeiras do Governo,

A taxa leva em consideração vários fatores envolvendo o Tesouro Nacional e os títulos públicos.

A forma com o qual as taxas são calculadas podem ser acessadas também no site do banco Central do Brasil.

Ela é uma ferramenta de política monetária sobre a qual se baseia para atingir a meta de taxas de juros estabelecida pelo Comitê de Política Monetária (COPOM).

Como investir ou aplicar

A forma de investir ou aplicar nessa modalidade do Tesouro Direto é bem simples e efetuado da mesma forma que as outras modalidades.

Veja abaixo o Passo a Passo de como investir no Tesouro Direto e descubra como realizar a compra de títulos públicos na segurança e conforto de sua residência.

  1. Ter CPF e conta corrente em uma instituição financeira;
  2. Escolher instituição financeira para mediar os investimentos(Caixa, Banco do Brasil, etc);
  3. Fazer o cadastro na instituição financeira escolhida;
  4. Fazer o acesso à área restrita do Tesouro Direto na BMF&F Bovespa;
  5. Alterar a senha provisória por uma nova senha;
  6. Escolher o Título Público certo e realizar o investimento.

>>> Aprenda a garantir seu futuro com os Títulos Públicos em vídeo aulas <<<

Vídeo que explica como investir no Tesouro Direto Selic

Vídeo revela Como Investir no Tesouro Direto e Ter Mais Sucesso Nesse Investimento:Tesouro Direto Descomplicado Conversão master

Tesouro Selic ou IPCA+Tesouro direto Selic IPCA

Essas duas taxas podem gerar muitos problemas na hora de fazer os cálculos.

Mas afinal vale mais a pena investir no Tesouro Selic ou no Tesouro IPCA+?

Não há como responder essa questão de forma definitiva pois cada hora é melhor uma das opções.

De qualquer forma podemos dar um padrão de investidor, a depender das suas características é que pode escolher um ou outro de forma vantajosa.

Investidor do Tesouro Selic

Caso deseje investir no mesmo terá como principal vantagem frente ao IPCA a estabilidade dos títulos públicos.

A rentabilidade do mesmo é alta e se for vender antes do prazo ainda assim terá bons lucros, sendo que sempre será acima da inflação daquele período.

É ideal para quem não quer sofrer infarto vendo os rendimentos variarem bruscamente com o passar do tempo e quer ter bons ganhos.

Ou seja, o Tesouro Selic é para aqueles investidores mais conservadores.

Investidor do Tesouro IPCA

É outra excelente opção, porém a rentabilidade varia mais em um mesmo período que o Tesouro Selic.

Possui rentabilidade vinculada ao IPCA que é o principal índice pelo qual se mede a inflação.

Sempre o mesmo rende mais que a inflação, porém se a mesma for muito baixa não compensará e o seu concorrente sairá em vantagem.

Se for vender a curto prazo poderá perder dinheiro ou ganhar mais que a outra opção.

Porém, se for vender nesse caso, deverá ficar de olho na inflação e vender após um período de alta da mesma.

É necessário fazer muitas contas e ser muito arrojado para vender antes do prazo e auferir bons lucros.

Por esse motivo esse investimento no Tesouro Direto é indicado para pessoas mais arrojadas.

E, também, indicados para aqueles que intendem mais do assunto e já fizeram outros investimentos antes.

Veja um estudo sobre a variação do IPCA ao longo do tempo no informativo do Banco Central.

Investimento mínimo e máximo permitido

O investimento mínimo e máximo permitido para todos os títulos públicos é válido também para esse tipo de aplicação.

Sendo assim, o valor mínimo a ser investido é de R$ 30,00, sendo que esse valor deve representar pelo menos 1% de um título público individual.

O valor máximo que pode ser aplicado é de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) mensalmente.

Isso permite que grandes e pequenos investidores possam aplicar seu dinheiro em Títulos do Governo e auferir lucros com isso sem discriminar ninguém, bastando ter a vontade de fazer seu dinheiro render na aplicação.

Simulador e rendimento do Tesouro SelicRentabilidade Simulador Tesouro Selic IPCA Direto LTN

É possível simular o rendimento do Tesouro Selic através do próprio site do Governo Federal e  ver mais ou menos quanto se receberá com o investimento em um determinado período de tempo.

Além disso, existe um PDF de como funciona esse modelo de investimento, seu rendimento e quanto de ganho os investidores podem ter se escolherem essa opção para investir no Tesouro Direto.

O valor percentual atual da taxa Selic pode ser consultada no site do Banco Central para ver quanto está dando.

A depender da taxa pode ser que compense investir ou não, mas deve-se calcular direito para ver se compensa.

>>> Aprenda a garantir seu futuro com os Títulos Públicos em vídeo aulas <<<

Conclusão sobre o Tesouro Selic

Das opções do Tesouro Direto é aquela mais segura e que é indicada aos investidores conservadores.

Possui um excelente rendimento, que não apresenta grande variação durante um período de tempo.

Funciona de forma simples e, como era de se esperar, é vinculado à taxa Selic.

Sugiro que estude e, se possível, faça o curso Tesouro Direto Descomplicado para aprender as melhores técnicas.

E, assim, ganhar muito dinheiro com esse tipo de aplicação.

Acesse o site >>> www.tesourodiretodescomplicado.com.br <<< E saiba mais sobre investir no Tesouro Selic.

Tesouro Direto Descomplicado

16 Comentários para "Tesouro Selic (LFT) → Como investir, aplicar, simulador, rentabilidade"

  1. Pingback: Tesouro IPCA → Investir no Tesouro Direto vinculado à taxa de inflação

  2. Pingback: Tesouro Direto Prefixado (LTN) → Títulos públicos, taxas e perfil de investidor

  3. Pingback: Tesouro Direto Bradesco Corretora | CLIQUE AQUI

  4. Pingback: Corretora Rico Tesouro Direto → É uma boa? É segura e confiável?

  5. Pingback: IOF Tesouro Direto → Imposto sobre Operações Financeiras

  6. Pingback: LTN - Letra do Tesouro Nacional | VEJA AQUI COMO FUNCIONA

  7. Pingback: Investir no Tesouro Nacional é Seguro | VEJA AQUI

  8. Pingback: Qual Título do Tesouro Direto Comprar | Escolha Direito

  9. Pingback: Tesouro Direto Preços → Veja quanto custa cada título hoje

  10. Pingback: Tesouro Direto Liquidez → Venda seus títulos diariamente

  11. Pingback: Tesouro IPCA+ (NTN-B Principal) → Tudo sobre esse título público

  12. Pingback: Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais – NTN‐B | VEJA AQUI

  13. Pingback: Tesouro Direto é Confiável? Veja AQUI a resposta dessa pergunta!

  14. Pingback: Tesouro Direto Pós-Fixado → Veja o que é e como funciona

  15. Pingback: Tesouro Direto Como Investir em Títulos Públicos | VEJA AQUI

  16. Pingback: Easynvest Tesouro Direto → É seguro e confiável? É boa?

Deixe uma resposta